23 de Abril: Dia Mundial do Livro e dos Direitos de Autor






No dia 23 de abril, comemora-se o Dia Mundial do Livro. Uma data assinalada desde 1996 na XXVIII Conferência geral da UNESCO, reunida em Paris, que ocorreu entre 25 de Outubro e 16 de Novembro de 1995. Este dia também foi escolhido para honrar a velha tradição catalã segundo a qual, neste mesmo dia, os cavaleiros oferecem às suas damas uma rosa vermelha de São Jorge e recebem em troca um livro. Recentemente até a troca de uma rosa por um livro tornou-se uma tradição em vários países do mundo.  O objetivo é fazer com que os jovens descubram o prazer da leitura, promover a publicação de livros e a proteção dos direitos autorais.


O livro é considerado historicamente o instrumento mais importante de difusão dos conhecimentos, todas as iniciativas para promover a difusão do livro são um fator de enriquecimento cultural, e uma das formas mais eficazes de promoção do livro é organizar todos os anos "O dia do livro".
Nesta data celebra-se também o dia dos “Direitos de Autor”. Um direito que é reconhecido pela Declaração Universal dos Direitos do Homem (artigo 27º) e pela Constituição da República Portuguesa (artigo 42º). O direito de autor funciona como garantia de defesa do patrimônio e dos valores culturais.


Em 1926 a Espanha instaurou o dia 23 de Abril como Dia do Livro, trata-se de uma data simbólica para a literatura, já que, segundo os vários calendários, neste dia faleceram importantes escritores como Miguel de Cervantes, na Inglaterra celebrava-se no mesmo dia, pois coincide com a morte de Shakespeare que ocorreu exatamente 10 dias depois de Cervantes. Apesar de ter enraizado rapidamente em Barcelona, o dia coincidiu com o dia do Santo Padroeiro – São Jorge – onde este era o propósito oficial de comemoração. 





Todos os anos, o Ministério da Cultura, através da Direção-Geral do Livro e das Bibliotecas, assinala este dia com a publicação de um cartaz que distribui por bibliotecas, livrarias e outros espaços culturais. Com ele, pretende-se chamar a atenção para a importância do livro e da leitura.
O cartaz deste ano é da autoria do artista plástico e ilustrador João Vaz de Carvalho. Premiado nacional e internacionalmente, editado em vários países, a sua  obra é hoje reconhecida como uma das vozes mais ativas do setor.



O mais importante  é acostumarmos a apreciar uma boa leitura, seja ela fictícia ou não, indicar aos amigos bons livros e divulgar autores de qualidade é uma responsabilidade imensa, todos os leitores deveriam adotar essas três regrinhas como meta de vida, ensinar uma criança a importância de ler é responsabilidade não apenas dos pais, mas de toda a sociedade. Dar o valor que se deve a um livro e a seu autor, pois escrever não é fácil e tentar agradar um número grande de pessoas é ainda mais difícil, devido ao grande número de gêneros que encontramos disponíveis no mercado.






Ler um livro é sentir o prazer de viajar no passado,viver o presente e se preparar para o futuro, conhecendo o ser humano em todos os tempos e a nossa essência em todos os períodos da existência humana.
















Nenhum comentário

Postar um comentário

Olá!
Sua opinião é muito importante para mim.
Não esqueça de deixar o link do seu blog para eu retribuir a visita.
Obrigada :D
Beijos Jéssica Rodrigues

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...