[RESENHA] Presságio - O Assassinato da Freira Nua



Autor: Leonardo Barros // Ano: 2012 // Páginas: 224 // Editora: Novo Século 

Classificação

Em seu livro Presságio, o escritor Leonardo Barros nos apresentado Alice, uma garota de 26 anos que tem visões tanto do passado quando do futuro. O inusitado desse dom de Alice é que ele só se manifesta quando ela tem orgasmos. Depois de visitar vários psicólogos e todos chegarem ao mesmo diagnóstico, Alice começa achar que eles podem estar certos, talvez ela seja mesmo louca. Quem acreditaria em uma garota que diz ter visões durante o ato sexual? Você acreditaria? Eu não!

O livro inicia com o assassinato da irmã Bianca, ela é encontrada morta em sua casa que fica nos fundos da escola que é professora, nua e com sinais de relação sexual. Quem faria isto com uma freira de verdade? Até o momento seu dom não havia colocado Alice em uma situação tão complicada. Durante uma festa a fantasia em que Alice estava fantasiada de “Alice no país das maravilhas”, acontece um assassinato. Vivian, uma linda morena que é uma antigo desafeto de Alice é encontrada morta em um dos quartos onde ocorria a festa. O detalhe no assassinato de Vivian é que ela estava fantasiada de freira, uma freira seminua mas uma freira.




O delegado Matias junto com seu assiste Felipe ficam encarregado de investigar os dois assassinatos, e acabam por acreditar que existe um assassino em série solto na Cidade, apelidado de Beato Judas. Durante as investigações o delegado chega ao jovem Danilo, o principal suspeito dos crimes. Acontece que Alice tem certeza que não foi ele, em sua visão  ela viu um rapaz bem mais forte que Danilo, na verdade eles não possuem nada em comum. Nesse momento Alice se vê em uma “sinuca de bico”, qual a chance da polícia acreditar nela se até ela tem dificuldades para acreditar? Quando ela decide investigar por conta própria é que as coisas se complicam ainda mais.


O que acontece quando você lê o livro em uma noite? Eu respondo, ressaca literária! Acho que a maioria dos leitores passam e passaram por isso na vida e sabem como é difícil se recupera. Fazia tempo que não lia um livro tão dinâmico, Leonardo Barros conduz a história como um maestro rege uma orquestra, com uma escrita estruturada viajamos nessa história onde tudo acontece no momento certo. Já na primeira página ele planta a semente da curiosidade na cabeça do leitor e durante todo o livro ele só faz essa curiosidade aumentar. Acertei o culpado logo de início, mas isso não desmerece o livro em nada, pelo contrário só me fez querer descobrir ainda mais quais fatos motivaram os crimes.




Ele inicia alternando a narrativa entre a investigação policial e a vida de Alice, fazendo o leitor ter uma visão ampla do que está acontecendo, depois começamos a acompanhar somente a investigação de Alice. O mistério acompanha todo o livro, e quando enfim os culpados são revelados, quando pensamos acabou eis que Alice tem mais uma visão que poderia mudar todo.  

Com uma mistura criativa e super bem bolada de suspense policial, misticismo e uma grande porção de erotismo, Presságio: Assassinato da freia nua é um livro capaz de agradar vários leitores, possui um enredo envolvente e surpreendente, mostrando mais uma vez que os autores nacionais “estão com tudo”. Leonardo Barros é um médico e algumas cenas é perceptível esse outro lado do autor. São livros assim que me fazem amar cada dia mais a literatura nacional.


    23 comentários

    1. Menina, a moça do blog que eu sou colunista tá lendo esse livro, e eu tô salivando! Preciso muito conhecer essa Alice!!!

      ResponderExcluir
    2. Jéssica, sério, eu NUNCA conseguiria levar esse livro a sério... Uma mulher que tem visões durante o orgasmo... HAHAHAHA. Isso é hilário! Como pode alguém fazer uma investigação com esse motivo de piada, gente? XD
      www.literasutra.com

      ResponderExcluir
    3. Oi, Jéssica!
      Fico feliz que tenha gostado!
      Adorei a resenha!
      Obrigado pela divulgação!
      Super beijo!

      ResponderExcluir
    4. Oi, Jéssica!
      Fico feliz que tenha gostado!
      Adorei a resenha!
      Obrigado pela divulgação!
      Super beijo!

      ResponderExcluir
    5. nossa inusitado,
      acho que não vi nenhuma história como essa ainda ,
      e fiquei mais que curiosa para saber mais, vou com toda certeza incluir este livro as minhas próximas leituras

      ResponderExcluir
    6. Não conhecia o livro e fiquei louca só pelo o título...... Lendo sua resenha fiquei muito curiosa pela história!
      Adoro

      ResponderExcluir
    7. Adoro suas dicas de livro, seu blog é o máximo ,
      Bjus

      ResponderExcluir
    8. Já vi algumas resenhas do livro e achei tão empolgante e diferente.
      Perdi de comprar o livro autografado na Bienal, mas este ano, resolvo esse probleminha!
      http://www.poesianaalma.com.br/

      ResponderExcluir
    9. Oi Jé!
      Eu já havia lido outra resenha deste livro, mas ainda não tinha me sentido tão curiosa quanto agora.
      Me interessei muito pela história e quero me "jogar" na leitura, que venha uma ótima e profunda ressaca literária hahaha

      ResponderExcluir
    10. Gente! Que premissa diferente! Como assim... no orgasmo?! Eu acho que nunca li nada assim. O que torna interessante é essa toque quase que humor. Muito difícil mesmo convencer outras pessoas sobre um dom que se revela numa hora tão "pessoal".

      Gosto de suspense-policial, então acho que vou gostar de ler esse livro.

      Beijos!

      ResponderExcluir
    11. Parece ser um livro muito diferente, é a primeira vez que leio algo sobre ele, não sei se eu leria não.

      ResponderExcluir
    12. Oi Jessica, tudo bem?
      Amei a premissa do livro e assim que conseguir lerei ele.
      Que hora mais inusitadas para ter visões hein?
      Bjs

      A. Libri

      ResponderExcluir
    13. Eu não sou muito fã de livros políciais. Acho que os enredos são sempre elaborados e fluem de uma forma bacana, mas como eu sou do tipo de "se impressiona fácil" procuro sempre por leituras leves que não vão me deixar paranóica durante a noite.
      Gostei muito de saber que a narrativa altera ente a investigação e a vida da personagem, acho que isso é muito importante pra gente ter uma compreensão completa da história. Se um dia eu perder o meu receio por livros assim, darei uma chance.

      http://laoliphant.com.br/

      ResponderExcluir
    14. Ei, que diferente. Bem legal e inusitado. A resenha e a trama apeteceram meu apetite de leitora, bacana. Beijos

      ResponderExcluir
    15. Eu já tinha ouvido falar do livro, mas não tinha lido nenhuma resenha ainda. Gostei o que li , e vou anotar sua dica.
      Bjs, Rose.

      ResponderExcluir
    16. Oi, Jéssica! Eu gostei muito do livro, tanto quanto você. O autor tem um jeito especial de narrar e, assim como você descreveu, me senti completamente envolvida na história. Logo farei minha resenha também… Estou feliz por ter tido a oportunidade de ler um livro tão bem avaliado por você.

      Beijos!
      http://www.myqueenside.blogspot.com

      ResponderExcluir
    17. Oi, tudo bem?
      Eu acho que já vi esse livro por ai, mas nunca parei para saber mais sobre ele, sabe? Achei bem interessante a premissa e essa coisa da personagem ter visões, imagino que deve ser uma história bem diferente e curiosa. Enfim, gostei bastante da resenha, adoro ler livros nacionais, por isso se eu tiver oportunidade irei ler esse.

      Beijos :*
      Larissa - http://srtabookaholic.blogspot.com

      ResponderExcluir
    18. Nossa, este livro parece ser ótimo! Adoro conhecer novos autores nacionais e fiquei muito interessada. Vou buscar ler, com certeza! Beijos!
      www.prosasdemenina.com.br

      ResponderExcluir
    19. Olá, adorei sua resenha, fiquei com muita vontade de ler o livro. Eu comprei ele ano passado, quando o autor veio a minha cidade fazer uma divulgação, mais no momento estou dando um tempo para livro pesados, mas quem sabe, eu não uma chance, já que você disse que ele é bastante dinâmico! Vou dar uma chance. :D
      Beijos.
      Camila, Leitor Sagaz.

      ResponderExcluir
    20. Parabéns pela resenha, ficou muito bacana. Vou te confessar que pelo título eu não leria... heheh, (preconceito bobo, estou trabalhando isto) mas gostei muito da resenha! E palmas para ti que acolhe nossos autores brasileiros! Eles merecerem!

      Um abraço!
      Vanessa Vieira
      Pensamentos Valem Ouro

      ResponderExcluir
    21. Oie, tudo bom?
      A primeira coisa que chama minha atenção nesse livro é o título. Eu adoro suspenses policiais e a trama desse livro é bem instigante. Apesar de você ter descoberto o assassino no início, pelo visto a trama conseguiu te prender e isso é algo extremamente positivo em livros desse gênero.
      Beijos,
      http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
    22. Oi Jessica, tudo bem?

      Conheci o Leonardo na última Bienal aqui do Rio, ele é super simpático. Quando comecei com o blog, via muitas resenhas do livro dele, agora vejo menos. Presságio aprece ser um livro interessante. Eu adoro suspense.

      beijos
      Kel
      www.porumaboaleitura.com.br

      ResponderExcluir
    23. Olá!
      Eu adorei a sua resenha.
      A história de Presságio é muito boa. Eu li e adorei.
      Alice é muito inteligente e determinada. Nunca imaginaria o final do livro. Me surpreendeu bastante.
      Beijinhos!
      http://eraumavezolivro.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir

    Olá!
    Sua opinião é muito importante para mim.
    Não esqueça de deixar o link do seu blog para eu retribuir a visita.
    Obrigada :D
    Beijos Jéssica Rodrigues

    Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...