[RESENHA] A traição do sapato novo




Uma relação de muitos anos, a celebração magnífica preparada, ele aguarda no quarto enquanto ela arruma-se no banheiro. Ao despir-se percebe um inesperado problema: um simples nó de cadarço o impede de tirar sua roupa. Apertadíssimo! Como nosso ilustre homem resolverá esta traição de um sapato num momento crucial deste? O que um leitor de livro rosa faria nesta situação? Iria pelo caminho mais fácil ou pela escolha perfeita? Uma história sobre os obstáculos que nos amedrontam quando o universo parece conspirar contra nossos planos.

Ah, os mistérios desta capa serão revelados apenas para leitores sensivelmente atentos, capazes de decifrar a profundidade de cada personagem e a alma de suas palavras!




A traição do sapato novo (O Livro das Identidades 1) // Autor: Jeremias Bimbatti Filho // Ano: 2015 // Páginas: 12 // Editora: Amazon //  SKOOB // ONDE COMPRAR



Uma situação engraçada para o leitor, mas desesperadora para o personagem que em meio a uma comemoração se vê em um beco sem saída, ou melhor, se vê com um nó apertado no sapato. O tempo corre enquanto a mulher se arruma, e o homem da nossa história continua a procura de uma solução. E agora o que fazer?


De início aparenta ser um texto simples com um problema comum e até fácil de resolver, mas com o desenvolver do texto percebemos que há muito mais coisas naquele nó. O texto é extremante bem escrito e arrebatador, mesmo sendo um texto pequeno você fica preso e esperando ansiosamente o desenrolar do nó do sapato novo.

Cada palavra, cada ponto, virgula, capa... tem um significado que em uma primeira leitura deixamos passar e com alegria voltamos e relemos novamente, e é exatamente isso que torna o texto de Jeremias Bimbatti Filho tão divertido, criativo e rico. Infelizmente não posso contar mais detalhes é preciso ler e se deixar aprisionar por este conto que está muito além das palavras que lemos.




11 comentários

  1. Olá Jessica, achei bem interessante este conto, fiquei curiosa. A primeira vista, parece uma situação tão boba, mas pelo o que você nos conta na resenha, o autor sabe trabalhar no tema. Bela resenha. Ainda sim, senti falta de informações do livro, por exemplo: número de páginas, onde encontrá-lo, etc.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Heloísa,
      Obrigada pela observação, sempre coloco informações como número de páginas, onde encontrá-lo ... mas por algum motivo inexplicavel acabei esquecendo. Agora já esta certinho flor ;)

      Excluir
  2. Com certeza este conto despertou minha curiosidade, Jéssica!
    São justamente nessas situações tão simples e cotidianas que podemos encontrar verdadeiras pérolas de desenvolvimento psicológico de personagens...

    Valeu pela indicação...
    Bjo

    ResponderExcluir
  3. Fiquei muito curiosa e um pouco confusa. Realmente, a princípio não é uma situação que me faria pensar que daria uma estória, ainda mais um tão enigmática quanto essa que você descreveu. Bem interessante.

    Bjs.

    www.delirioselivros.com.br

    ResponderExcluir
  4. Oi Jéssica.
    Não conhecia esse livro, mas já de cara achei essa capa instigante e gostei de saber que ela tem relação com o enredo, isso despertou minha curiosidade.
    Gosto de enredos significativos e que se dedicam aos detalhes. Vou anotar essa dica.

    Beijos.
    Leituras da Paty

    ResponderExcluir
  5. Pelo que notei se trata de um conto, é bom quando uma história apesar de curta, como neste caso por ser um conto, acaba surpreendendo o leitor, mesmo com suas poucas páginas. Ainda não conhecia essa história, mesmo com os elogios, não sei se leria, pois não me interessou o enredo, mas foi bom conhecer um pouco mais sobre o mesmo. Não curti a capa, se não tivesse lido a resenha, esse e-conto passaria batido, pois não chama atenção essa capa.

    http://www.daimaginacaoaescrita.com/

    ResponderExcluir
  6. Oie
    Não conhecia o conto mas que bom que gostou tanto e sua resenha ficou ótima, fiquei mega curiosa pela leitura e vou ver se leio em breve

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Olá... tenho começado a ler contos recentemente, mas por enquanto somente de temas que curto, porque não sou muito fã rs... esse conto não me chamou atenção infelizmente. A temática não me cativa muito para ler, mas que bom que você curtiu... xero!!!

    ResponderExcluir
  8. Oi! Confesso que não me interessei muito pelo livro, acho que a premissa não deu muito certo comigo. Mas gostei muito do seu post e da sua escrita. Beijos.

    http://eicarolleia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Gostei do blog, Delicado.
    Aqui deixo o link do meu.
    Você sabe o que é um Poema Equacional?
    http://poema-triptico-equacional.blogspot.com.br

    Alda Inácio

    ResponderExcluir
  10. Oie, tudo bom?
    Essa é a graça de ler contos porque cada palavra ou frase tem sua importância para a trama. Não conhecia, mas curti a premissa.
    Beijos,
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Olá!
Sua opinião é muito importante para mim.
Não esqueça de deixar o link do seu blog para eu retribuir a visita.
Obrigada :D
Beijos Jéssica Rodrigues

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...