[RESENHA] Arcanista






















(Porque o livro demora para pegar ritmo)

"Olá! Se você está lendo essa mensagem é provável que tenha sobrevivido à raiva daquelas criaturas bestiais e eu não, mas tudo bem, essas coisas acontecem de vez em quando. É o preço que pagamos por usar Mana em excesso, só espero que a minha Gema-Mental não tenha causado grandes estragos."
Rai, Dezembro de um ano qualquer

            Hoje vou contar para vocês uma história diferente. Como último livro do ano escolhi ler Arcanista, do parceiro Joe Lima e vou dizer que não me arrependo de tê-lo feito.

~~~~~*~~~~~

            Em um futuro muito muito distante uma guerra química praticamente destruiu tudo que conhecemos. O lado negativo é que a Agricultura e Pecuária são praticamente inexistente com todos os produtos sintéticos, a super população nas Cidades Altas e um governo bastante controlador. O lado positivo: a descoberta da extração de Mana (o magma do centro da Terra), que fez com que a tecnologia evoluísse muito, assim como a criação de um exercito que consegue canalizar o Mana e ter poderes especiais: a Arcanum.
           
            Marcel sonha em ser um Arcanista desde que é criança. Influenciado por seu pai, um arcanista afastado, ele treina diariamente no Instituto Beta. Sua melhor amiga e paixão secreta Beatrix também está em busca desse sonho e juntos eles estão prontos para encarar qualquer coisa para seguir a carreira. 

            O que Marcel nem imagina é que logo em sua primeira missão, terá de enfrentar tantos desafios para se manter vivo. Em meio à conspirações e um grupo Ecoterrorista, ele deverá entender como lutar como um Arcanista, controlar seus novos poderes e cuidar da próxima governante do país.

~~~~~*~~~~~

            Marcel é um bocó! Desculpa, mas essa é a mais pura verdade. E é melhor eu falar logo qual o pior defeito desse livro antes de continuarmos essa resenha, porque em 2016 eu prometi ser muito sincera! O personagem principal é chato, mimado e MUITO chorão. É claro que você deve levar em consideração que ele é apenas um menino de 16 anos que acabou de iniciar um treinamento militar, mas vou te dizer que esperava um pouco mais dele... talvez mais garra e vontade?

            E esse é o ÚNICO motivo para deixar essa história tão chata no começo! Devo dizer que devo ter demorado umas 3 semanas só para conseguir chegar no primeiro terço do livro, porque simplesmente não aguentava esse adolescente reclamando da vida. u.u No entanto, assim que passei dessa parte, tudo ficou incrível! Camilla Noble surgiu para ajudar a narrativa e aumentar a confiança desse pobre menino. Uma personagem realmente marcante e cheia de confiança no que está fazendo, ela é a próxima regente da republica em que vivem. Para ser sincera, ela é tudo aquilo que eu esperava encontrar em Eadlyn (A Herdeira - Kiera Kass) e me diverti pensando em como Maxon e América lidariam com essa troca.

"Nunca me esqueço de quem conhece os meus segredos."


            No livro, ela e o Marcel acabam presos em uma cidade abandonada quando estão fugindo de um atentado terrorista, o problema é que depois eles descobrem que não estão realmente sozinhos e tem de se virar para sobreviver até encontrarem ajuda.

            É uma história realmente eletrizante depois da metade e podemos ver a evolução do personagem principal, que para de reclamar da vida e passar à agir realmente como um recruta de um grande exército. Fico muito feliz quando vejo evoluções como essas nas histórias, principalmente quando se trata de livros de ficção. 

            Vale muito a pena investir na leitura! Se você estiver ficando cansado, não desista. Acredite, mas ele faz parte de uma trilogia e estou ansiosa para descobrir como será a continuação! Não que o livro tenha acabado no ápice, mas ele tem muitas aberturas para vários outros. Além de ser uma narrativa diferente de tudo que conhecemos, as cenas de luta foram bem escritas e o vilão ficou bem claro para todos.

Acho que é isso pessoal, espero que gostem do livro!

     Um beijinhu,








8 comentários

  1. Nossa, que interessante! Adoro livros desse gênero e nunca li um escrito por um brasileiro, infelizmente, mas agora que fiquei muito curiosa sobre esse, colocarei na minha meta de leitura! Só espero conseguir superar o menino chorão, haha!

    Bjs, Raquel.

    http://www.eaijaleu.com.br/2016/01/literalist-11-motivos-para-voce-ler-5.html

    ResponderExcluir
  2. Oiii, eu quero muito ler este livro e já várias opiniões. Mas, como demorar para pegar o ritmo da história, quem sabe eu não leria neste momento, futuramente sim.
    Beijinhos
    segredosliterarios-oficial.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Oie! Achei engraçada a sua descrição sobre o personagem, hahah. Não li a obra ainda, mas, realmente, se o cara sonhava desde pequeno em fazer parte de um exército e ter superpoderes, o mínimo que se podia esperar dele é que não fosse chorão... Mas a história parece realmente muito interessante, com tudo isso de exploração de magma e treinamento militar. É tenso quando uma leitura demora para pegar o ritmo, mas eu acho pior quando você está achando a obra o máximo e, lá pela metade, ela vai perdendo a graça e ficando sempre do mesmo (aconteceu na minha última leitura)... Gostei da sua ideia de justificar a avaliação. É a primeira vez que vejo isso :3

    Beijos,
    Fernanda F. Goulart,
    Império Imaginário.

    ResponderExcluir
  4. Olá flor, tudo bem?

    É uma distopia? Parece que sim pelo pouco que li na sua resenha, e esse não é um gênero que gosto muito de ler, principalmente se o começo for lento, personagem for chato, etc. Eu com certeza não teria a sua paciência de chegar em um terço do livro para que tudo se encaminhasse melhor. Adorei a sua sinceridade, prezo muito isso em uma resenha e eu também sigo isso a risca na minha, não consigo mentir para meus leitores, parabéns.

    bjs

    ResponderExcluir
  5. Oie!!!
    Pelo que entendi trata-se de uma distopia, achei o enredo e mundo distópico bem interessante. E bem original também, nunca vi nada parecido. Fiquei bem empolgada para lê-lo.
    bjs

    ResponderExcluir
  6. Oi oiii!
    Gostei muito da sua sinceridade na resenha ahahahaha E eu sei que vou ficar irratada com o Marcel porque ODEIO personagens mimados, mas adorei saber que a história fica boa e ele fica mais maduro.
    E toda a história também deve ser incrível e pelo que eu entendi é uma distopia, e amo distopias!
    Enfim, gostei da dica e quero ler!
    Beijinhos.

    ResponderExcluir
  7. Oiie
    Não conhecia o livro mas parece ser uma leitura legal apesar de não ser meu gênero, sua resenha está ótima

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Oi Raíssa.
    Muito boa a sua resenha.
    Gosto quando o resenhista é sincero em suas opiniões. Eu achei que a história é bacana, mas não me atraiu tanto. Acho que não conseguiria sair do começo do livro pois detesto esse tipo de personagem mimado, pode ser até que depois que ele amadurece um pouco fique melhor, mas acho que eu não conseguiria chegar a essa parte.

    Beijos
    http://aventurandosenoslivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Olá!
Sua opinião é muito importante para mim.
Não esqueça de deixar o link do seu blog para eu retribuir a visita.
Obrigada :D
Beijos Jéssica Rodrigues

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...